[+18] Bom dia, EllaRed

[+18] Bom dia, EllaRed – PapodeHomem
Tempo de leitura: 4 minutos

[+18] Bom dia, EllaRed

Nota editorial: acreditamos que nudez, sensualidade, libido e heterogeneidade são discussões essenciais de nosso tempo. E que há espaço para tratar disso sem objetificar e ofender, mas sim valorizando toda a riqueza do masculino e do feminino. Para entender porque publicamos ensaios de homens e mulheres e saber mais sobre o que aspiramos para a série “Bom dia”, leia o que escrevemos cá. E se tem um experimento que deseja publicar, fale conosco pelo contato@prazeresocultos.com.br .

* * *

Bom dia!

Eu sou a Ella, alguns me chamam de Red, outros de EllaRed e alguns de RedElla. Sabor das dualidades. Uma vez que geminiana às vezes penso em trocar pra um tanto único e até tatuei “EllaRed” na nuca. O indumento é que me sinto muito com essa fluidez aos 25 anos.

Sou padrão publicada desde 2016 (selecção e plus size) por profissão e hobbie, hoje sou aspirante a fotógrafa e tradutora/tradutor de profissão. Apesar de amar as imagens,  sou das “letras” e sabor da escrita e da leitura e de prender idiomas novos. Estou aprendendo nipónico e já tenho fluidez em inglês.

Minha relação com meu corpo é de eterna fluidez e enxurro de mudanças, me senhor e me admiro, mas algumas vezes decido mudar tudo, uma vez que passar dos cabelos loiros pros tons de vermelho, tatuagens, piercings e essas mudanças que me ajudam a me enxergar mais em mim!

Esse experimento foi feito alguns anos detrás, pelo @guiferretti mas eu demorei a conseguir grafar porque sempre senti que faltava alguma coisa, felizmente agora cá estou.

A exposição foi um tanto que trabalhei por qualquer tempo. Já perdi 2 Instagram’s sem me expor uma vez que estou fazendo cá, logo, agora decidi que era hora de “por a faceta no sol” e fulgir em um site que admiro e acompanho, que tem muito a reunir pra todxs!

Minha família, em universal, nunca me apoiou e, por isso, escolhi meu “EllaRed” ao invés do meu nome de registro. Hoje tenho um Facebook desativado e uso meus Instagram’s (@ellared_sgh / @ellared.sgh) pra portfólio e criei o @redella_photography com outro pseudonimo “RedElla” para os trabalhos de retrato recentes. Assim, quem me apoia, apoia e que não nem fica sabendo… Meu fotógrafo desse experimento, o Gui, foi junto com outro em um dia de Shoot para o suicidegirls (sou hopeful) e uma vez que tinha outra padrão junto enquanto eu esperava meu horário, o Ferretti me convidou, conversamos e bom, cá estamos!

A experiência foi muito boa pela espontaneidade, a namorada do Guilherme me ajudou com a make e estava sempre auxiliando. A animação era tanta que inventamos misturas de PB e Cromatizado e poses dentro e fora da janela, armário e por aí vai. Eu me sinto muito demais agora que tive a garra de grafar cá e publicar!

A retrato mudou minha forma de enxergar as mulheres reais/gordas. Por fim, se eu estou cá, qualquer uma pode! E eu quero mais que elas venham e sejam lindas e livres quebrando o padrão. Mesmo que isso possa ser “odiado” por alguns, a sensação de muito estar, a delícia da liberdade vale a pena.

Desculpem se escrevi demais, mas chegou a hora de curtir o experimento. Separei cá 25 fotos pra vocês. Espero que gostem e que eu possa voltar por cá mais vezes.

Obrigada, bom dia!

Xoxo, Ella.


Fonte: papodehomem.com.br

Testosterona: o que é e o que fazer quando ela está baixa

Testosterona: o que é e o que fazer quando ela está baixa

como modelar a barba de maneira real e estilosa – PapodeHomem

Uma vez que modelar a barba de maneira real e estilosa