[18+] Guia ilustrado do sexo vocal em mulheres

[18+] Guia ilustrado do sexo oral em mulheres – PapodeHomem
Tempo de leitura: 5 minutos

[18+] Guia ilustrado do sexo vocal em mulheres

Mulheres são enigmáticas. Nem nós mesmas conseguimos desvendar todos os segredos desse buraco que levamos entre as pernas. Uma vida inteira de sexo, carnaval e perversão talvez ainda não seja suficiente para encontrar cada detalhes de pontos escondidos de prazer de uma mulher. Chega a ser meio sombrio em alguns momentos, né? Mas não em todos.

O bom desse mistério todo é a capacidade de aguçar a curiosidade do outro. Solucionar os enigmas femininos demanda um tempo bom de dedicação. Antes de mais zero, o texto que vem a seguir sugere uma troca de experiências e solicita, evidente, as opiniões interessantes lá embaixo (ui), nos comentários. Isso se deve porque, geralmente, os textos “aprenda a foder” soam quase porquê uma sufocação a alguns leitores, no sentido de “olha cá, babaca, você não sabe foder e eu vou te ensinar”. Mas esse item passa longe dessa proposta.

Para dar prazer a uma mulher, é preciso sagacidade. Observar e perceber suas reações. Prestar atenção aos detalhes dos seus gestos vai fazer muita diferença. Acho melhor você não ter zero agendado para logo mais, porque vai precisar de tempo. Depois de saber todo o “S.O.S –  Sexo Vocal Sensacional” que já foi publicado cá no PapodeHomem e de ter visto o “Guia Vice para chupar Xotota” da Vice Magazine, vem ver comigo cá embaixo (ui, de novo) um pouco sobre as delícias do sexo vocal em uma mulher.

Enfim, rapaz, a gente já falou cá porquê você deve ser chupado, né.

 

Admire

Zero é tão excitante quanto perceber o olhar de libido de um varão enquanto contempla a pequena totalmente nua. Porquê se todo o tesão do momento, para ele, consistisse em considerar o seu corpo e fazê-lo se retorcer de tanto prazer. Olhe nos olhos, repare em cada belo pedacinho da mulher que você vai manducar.

 

Domine

A posição deitada é, geralmente, a mais confortável para receber um vocal, pois ela (a mulher) pode relaxar totalmente. Mostrar quem está no controle da situação também é um artifício muito válido para deixá-la mais a vontade, imaginando que tudo está nas tuas mãos (e boca. E língua. E…)

Ao colocar a pequena deitada sobre a leito ou sofá, segure seus punhos por um tempo enquanto beija o pescoço, as orelhas, desce até os seios e cuida muito dos mamilos. Deixe suas mãos brincarem com o corpo dela, percorrendo as curvas, deslizando pela cintura e, aí sim, toque de ligeiro entre suas pernas.

 

Esquente

Faça o seu caminho próprio com os lábios na direção do púbis. Esse é o momento de deixá-la louca de vontade de te ver em ação. Enrole um pouco em vez de iniciar a chupá-la de uma vez. Solte uns sopros quentes ao volta da pélvis. Desça a língua em direção ao períneo. Dê um ósculo helênico.  Sinta a lubrificação da sua pequena. Com o clitóris mais inchado pela estimulação, vai facilitar o contato da sua língua.

 

Encontre o clitóris

Certifique-se que você sabe a localização exata do clitóris. Seja preciso. Ao tê-lo porquê mira, brinque de ligeiro com a sua língua sobre ele. A gata provalmente vai exprimir um vagido mais eminente quando você chegar lá. Preste atenção! Errar um milímetro , por mais truão que pareça ser, é o suficiente para fazer da gaudério, uma coisa totalmente inócua e até mesmo entediante.

 

Estimule

Mais uma vez, tenha a perspicácia de interpretar porquê a pequena mais gosta de ser chupada. Não deixe a língua dura demais. Algumas garotas preferem sentir um pouco de pressão sobre o clitóris. Para outras, o mero toque é o bastante. Deixe a língua vibrar sem parar. Aumente o ritmo gradualmente. Em qualquer momento, você pode sugar de ligeiro o clitóris para dentro da sua boca. Continue acariciando os seios, apertando-os levemente. Mostre que você não tem frescura nenhuma e lambuze seu rosto, faça uma deliciosa sujeira em você e nela (isso é muito excitante).

 

Não pare

Difícil explicar qual o momento exato que rola um estalinho. O prazer aumenta tanto, que você só deseja que aquilo continue. Não é sempre que rola de chegar ao orgasmo por via vocal. Vai depender de você concertar a pressão e a velocidade adequadas para a sua pequena. Por isso, no momento em que descobrir o ponto, melhor não interromper o que está fazendo. Não faça paradas bruscas, para não quebrar o clima. Se ela estiver muito animada, tente não mudar a língua de lugar ou diminuir o ritmo.

 

Penetre

Introduza o dedo na sua vagina e mexa-o fazendo sinal de “vem cá”, para tocar seu ponto G. Continue os movimentos com a língua. Não tenha pressa, acompanhe a excitação da gata. Seja pelos gritos ou pela tremedeira, você vai perceber quando ela chegar ao orgasmo. Se provável, vá para cima dela logo em seguida. A gata estará enlouquecida para sentir o seu pau.

 

Varie

Experimente deixá-la dominar, para deslindar porquê a gata sente prazer. Uma boa posição para dar totalidade poder de controle à mulher é o facessitting, a sentada na face. Seus quadris ficam livres para rebolar.  Assim você fica ligado na intensidade e o ritmo que ela mais gosta.

Agora vai lá, desliga esse computadorzinho e dê uma bela chupada na sua pequena. Já fez isso? Logo conta cá embaixo porquê foi.

Todas as artes no texto são de autoria de Santiago Mourão | Ilustrativa.

Indicação de livros!

Quer permanecer com mais vontade? O PdH vai indicar livros que podem te ajudar com essa gaudério:

Os links do livros são de afiliados. Ao comprar na Amazon usando eles, você ajuda a financiar o PdH, sem nenhum dispêndio suplementar para você.


publicado em 05 de Fevereiro de 2012, 22:01





Fonte: papodehomem.com.br

O que é um varão? O que é uma mulher?

“O tesão” e “Quase lá”: O revérbero das nossas vontades