Porquê encontrar uma parceira usando aplicativos?

Como encontrar uma parceira usando aplicativos?
Tempo de leitura: 3 minutos

Porquê encontrar uma parceira usando aplicativos?

“Oi, meu nome é Rafael. Acompanho o site já tem qualquer tempo e estou passando por uma crise.

Terminei meu relacionamento de 5 anos e antes disso, meu relacionamento de 7 anos também tinha completo. Fiquei com poucas mulheres nos meus 33 anos pois nunca gostei de pegar uma detrás da outra, uma vez que se não me importasse.

Estou tentando me relacionar novamente com algumas mulheres que conheci por aplicativos, mas o que vejo é o mais do mesmo: eu inicio uma conversa, ficamos falando por alguns dias e depois fica na mesma.

Foto por @yogasdesign 

Parece que o interesse em saber mais a pessoa só segmento de mim. Não há estimulo por segmento da outra pessoa e isso está me desanimando a procurar uma novidade parceira. 

As mulheres são todas iguais ou eu estou dando contratempo? Será que não sou interessante?

Quando analiso minha vida, vejo que não sou um mal partido. Sou muito apessoado, inteligente, educado, moro sozinho, tenho meu próprio veículo e um bom ocupação. 

Se vocês do santo Papo puderem me dar uma opinião sobre o que está acontecendo comigo, eu agradeço.

Att. Rafael.”

Porquê responder e ajudar no Mentoria PdH

(leia para evitar ter seu glosa sumido):

  • comentem sempre em primeira pessoa, contando da sua experiência direta com o tema — e não só dizendo o que a pessoa tem que fazer, uma vez que um professor distante da situação
  • não ridicularizem, humilhem ou façam piada com o outro
  • sejam específicos ao recontar do que funcionou ou não para vocês
  • estamos cultivando relações de parceria de combinação com a perspectiva proposta cá, que vai além das amizades usuais (vale a leitura desse link)
  • comentários grosseiros, rudes, agressivos ou que fujam do foco, serão deletados

Porquê enviar minha pergunta?

Você pode mandar sua pergunta para posts@papodehomem.com.br .

O matéria do email deve ter o seguinte formato: “PERGUNTA | Mentoria PdH” — assim conseguimos filtrar e encontrar as mensagens com facilidade.

Posso fazer perguntas simples e práticas, na risca “Porquê planejo minha mudança de cidade sem quebrar? Porquê organizar melhor o tempo pra cuidar de meu fruto? Porquê mourejar com o diagnóstico de uma doença grave?” ?

Queremos tratar também de dificuldades práticas enfrentadas por nós no dia-a-dia.

Logo, quem tiver questões nessa risca, envie pra nós. Assim vamos construindo um mosaico mais espaçoso de assuntos com a Mentoria.

Essa Mentoria é incrível. Onde encontro as perguntas anteriores?

Basta entrar na coleção Mentoria PdH.

Rafael, um presente pra você:

Vamos te enviar por email o ebook “As 25 maiores crises dos homens — e uma vez que superá-las”, produzido pelo PdH.

Se deseja comprar ou presentear alguém que possa se beneficiar, compre a sua edição cá.

Para saber mais sobre o teor do livro e tudo que vai encontrar lá dentro, leia esse texto.

Ao comprar o livro, você também ajuda a manter o PapodeHomem vivo.

Nosso rendimento com anúncios caiu drasticamente nos últimos dois anos, assim uma vez que aconteceu com toda a indústria jornalística, no Brasil e no mundo (a verba agora se concentra no Facebook e no Google). Porquê o que fazemos é para vocês e não para gerar o maior número de clicks com textos vazios, essa ajuda é principal para nossa sustentabilidade.


publicado em 30 de Setembro de 2019, 06:00

Manancial: papodehomem.com.br

Além de mais confortável e prático, dormir pelada traz uma série de benefícios perceptíveis ao longo do tempo.

Dormir pelada pode ajudar mais do que você pensa! Te dou bons motivos no post

Como não deixar que pequenos desentendimentos tirem o relacionamento dos eixos?

Porquê não deixar que pequenos desentendimentos tirem o relacionamento dos eixos?